Europa Medieval

A cerveja era uma das bebidas mais comuns durante a Idade Média . Era consumido
diariamente por todas as classes sociais do norte e leste da Europa, onde o cultivo da uva era
difícil ou impossível. Embora o vinho de qualidades variadas fosse a bebida mais comum no
sul, a cerveja ainda era popular entre as classes mais baixas. A ideia de que a cerveja era
consumida mais comumente do que a água durante os tempos medievais é um mito. A água
era mais barata do que a cerveja, e as cidades/aldeias foram construídas perto de fontes de
água doce, como rios, nascentes e poços para facilitar o acesso ao recurso. Embora
provavelmente seja uma das bebidas mais populares na Europa, a cerveja era frequentemente
desprezada como sendo insalubre, possivelmente porque os médicos gregos antigos e árabes
mais contemporâneos tinham pouca ou nenhuma experiência com a bebida. Em 1256, o
Aldobrandino de Siena descreveu a natureza da cerveja da seguinte maneira:
Mas do que for feito, seja de aveia, cevada ou trigo, prejudica a cabeça e o estômago, causa
mau hálito e estraga os dentes, enche o estômago de gases ruins e, por isso, quem o bebe
junto com o vinho fica bêbado rapidamente; mas tem a propriedade de facilitar a micção e
torna a carne branca e lisa. Nação Cervejeira cerveja witbier baden baden

Leave a Reply

Your email address will not be published.